Otimizar o acompanhamento dos produtos

Identification and traceability of products

Princípios e vantagens da rastreabilidade


A rastreabilidade fornece uma resposta às restrições de identificação e de monitoramento. As soluções de impressão utilizadas para a marcação destas informações devem atender a uma exigência comum: leitura contínua dos dados de rastreabilidade.

 
A rastreabilidade é a capacidade de seguir cada evento do ciclo de vida útil de um produto (de sua fabricação à sua utilização), graças a dados de identificação unícos. Estes dados permitem garantir a conformidade e a qualidade do produto. 

Este conjunto de informações codificadas associadas a um produto ou serviço, permite que cada elo da cadeia tenha acesso a dados atualizados. Além de favorecer a digitalização, o acompanhamento dos produtos facilita os fluxos logísticos e garante uma determinada segurança e transparência das informações transmitidas. 

Estas informações de identificação e de rastreabilidade são a ligação entre o produto e todos os intervenientes de seu ciclo de vida útil: o operador da linha de produção, o preparador da encomenda, o transportador, o gerente de estoque, a recepcionista, o vendedor da loja e o usuário final. 

Esta visão geral é um meio de prevenção dos riscos e uma segurança para os consumidores. 

A ferramenta de rastreabilidade mais popular é o código de barras, dado que permite uma leitura universal das informações a ele associadas.
 

Regulamentação em vigor

Além do aspecto estratégico para os fabricantes e intervenientes da cadeia logística, a rastreabilidade dos produtos é por vezes imposta por regulamentações, para garantir a segurança dos bens e das pessoas.
Eis alguns exemplos:

 
  • Nos Estados Unidos, existe um sistema de identificação único (UDI), para a rastreabilidade dos dispositivos médicos. Este sistema permite garantir a origem do produto, evitar a utilização de falsificações e assim assegurar a qualidade do tratamento dos pacientes. Inicialmente em vigor nos Estados Unidos, o sistema UDI também foi adotado pela União Europeia.
  • Na China, foram apresentadas regulamentações rigorosas relativas à rastreabilidade alimentar, para evitar quaisquer riscos sanitários. O governo chinês implementou um sistema de rastreabilidade da cadeia alimentar muito exigente para todas as indústrias envolvidas.
  • No que diz respeito a setores industriais, o automóvel impõe uma rastreabilidade muito minuciosa, em particular para determinados componentes de risco (motores, freios, direção). Para evitar os riscos de falha e garantir a segurança das pessoas, a rastreabilidade dos componentes automotivos é indispensável em cada etapa da fabricação do veículo e durante todo o seu ciclo de vida útil.

Estes exemplos ilustram bem a necessidade de traçar toda uma cadeia logística, e os meios implementados pelas instituições para garantir a qualidade dos produtos e a segurança dos consumidores. Em função das regulamentações em vigor, a rastreabilidade deve também garantir a confiabilidade, a legibilidade das informações relativas ao ciclo de vida útil dos produtos e a sua acessibilidade.
 

Os diferentes tipos de rastreabilidade

Rastreabilidade de produtos farmacêuticos: 

A rastreabilidade dos produtos farmacêuticos é um desafio estratégico em termos de saúde pública, pois permite identificar a origem de um problema sanitário através das informações registradas. 

Nos EUA e na Europa, cada dispositivo médico entra num processo de rastreabilidade desde sua fabricação em laboratório até à sua utilização – ou inclusive à sua destruição. Trata-se de um sistema de identificação único (UDI), que regista uma enorme quantidade de informações de identificação e de rastreabilidade, como:
  • a dosagem
  • o número de lote
  • o prazo de validade
  • a forma de dosagem
  • etc.

Este meio de identificação permite além disso, evitar a falsificação de medicamentos ou de dispositivos médicos. O mesmo garante portanto a utilização de produtos originais e limita a venda de produtos não controlados. 
 
Rastreabilidade para o setor da saúde: 

No ambiente hospitalar, a rastreabilidade está cada vez mais presente para proteger o tratamento do paciente. treatment. A rastreabilidade para o setor da saúde através de um sistema de códigos de barras, permite informar o pessoal clínico sobre a patologia e os tratamentos anteriormente ministrados, bem como sobre o histórico clínico do paciente.

Ao aumentar a quantidade de informações médicas, se previne o risco de erros ou de tratamento inadequado ou de risco. 
 
 
Rastreabilidade de produtos alimentares: 

A rastreabilidade dos produtos alimentares permite aos consumidores, distribuidores e fabricantes controlar melhor a origem, a composição e a conformidade dos produtos. 

Com sistemas de rastreabilidade alimentar bastante avançados (apoiados por um sistema de “blockchain”), os distribuidores controlam e protegem os seus suprimentos, enquanto os consumidores têm acesso a mais informações para melhorar as suas escolhas. 
 
Rastreabilidade na logística: 

A rastreabilidade logística visa garantir o controle, acompanhamento e entrega de um produto. Com um simples código de barras, todos as partes da cadeia logística acessam informações atualizadas de identificação e de rastreabilidade, para controlar o produto em cada etapa do seu ciclo de vida útil. 

Graças à rastreabilidade logística, os fluxos da cadeia de suprimentos são simplificados e acelerados, trazendo valor agregado real para os consumidores e fabricantes. 


A tecnologia de transferência térmica é a mais utilizada em todo o mundo, para a impressão de informações de composição e de acompanhamento.

Os ribbons de transferência térmica inkanto atendem a todas estas necessidades e restrições, como durabilidade da impressão, legibilidade da informação impressa, a finura dos carateres, etc.

 

Soluções de rastreabilidade fornecidas pela inkanto

A transferência térmica é uma tecnologia de impressão fiável, robusta e competitiva para a marcação de dados de rastreabilidade em códigos de barras, números de lote ou de série, etc.

A gama de ribbons de transferência térmica inkanto permite atender a todas as necessidades de impressão de etiquetas de rastreabilidade, fornecendo:

Durabilidade:
Proteção dos dados de rastreabilidade ao imprimir com tintas que resistem aos ambientes mais exigentes (manuseio, fricção, calor, solventes), ou a ciclos de vida útil muito longos.

Nitidez de impressão:
Os carateres pequenos ou códigos de barras pequenos são 100% legíveis por leitor ótico com as fitas inkanto.

Versatilidade de suportes de impressão:
Qualquer que seja o material da etiqueta de rastreabilidade, existe um ribbon inkanto adaptado para uma impressão perfeita (papéis rugosos, couchés, sintéticos, plástico, têxteis, etc.)

Competitividade:
Alguns ribbons são especialmente desenvolvidos para as aplicações de rastreabilidade, onde o custo é o critério principal.

Compatibilidade com impressoras:
Várias dezenas de milhares de possíveis configurações de ribbons, para atender a todos os modelos de impressoras “Flat Head” e “Near Edge” do mercado.

Certificações:
Os ribbons são certificados segundo as principais exigências regulamentares em vigor: indústria agroalimentar (contato com alimentos), elétrica/eletrônica (RoHS, halogêneo), norma REACH, etc.

Gama completa de produtos:
Existe um ribbon dedicado a cada aplicação, para cobrir 99% das etiquetas de rastreabilidade.
Contate-nos Necessita de mais informações?

Não hesite em contatar um de nossos representantes

Top
Visite os micro-sites sobre as filiais da ARMOR
  • Estados Unidos ENES
  • Canada ENFR
  • África do Sul EN
  • East Africa EN